Cambodia – Bem vindo a Phnom Penh

Hiiiii !!!!

Phnom Penh é a capital do Cambodia. Não é a cidade mais importante para o país em termos de turismo porém é onde fica a monarquia e o centro financeiro cambodiano.

Por ser uma capital, a cidade aparenta ser bem menos pobre que Siem Reap mas não crie expectativas achando que só irá ver coisas bonitas porque também não é bem assim 😉

A cidade está ganhando uma cara mais moderna, com arranha- céus no melhor estilo Hong Kong.

Nos hospedamos ao lado da Embaixada dos Estados Unidos e na mesma avenida ficam as sedes de vários outros governos, então é uma área bem bonita e bastante segura.

Não sentimos medo de explorar a cidade a pé, nosso hotel (vamos falar dele no próximo post) era muitíssimo bem localizado e nos permitia essas caminhadas. Porém fomos alertados o tempo inteiro para tomar cuidado com máquinas fotográficas, bolsas e celulares. Não nos aconteceu nada mas é sempre bom saber que temos que ficar mais atentos com os nossos pertences.

Ficamos dois dias e meio na cidade por conta de um vôo cancelado da Cambodia Angkor Air mas esse tempo nos pareceu mais do que suficiente.

O calor é absurdo o ano inteiro. A sensação térmica é tão alta que tem horas que tudo o que você vai querer é sombra e uma piscina gelada rs.

Pnhom Penh tem um cenário gastronômico mais requintado que Siem Reap. E mais caro também. Para quem não curte comida asiática, Subway, KFC e Burguer King são alternativas.

Dólares são amplamente aceitos assim como euros, libras e baths tailandeses. Como tínhamos trocado um pouco de riels e aqui eles são mais bem aceitos que em Siem Reap, usamos também.

Já falamos isso mas não custa repetir. Não é necessário trocar dinheiro pela moeda local já que dólares, euros e baths são super bem vindos.

A cidade tem várias atrações turísticas mas as mais badaladas giram em torno de campos de genocídio. Pulamos ! Não é o tipo de turismo que nos agrada.

Chegamos em Phnom Penh vindos direto de Siem Reap, um vôo super curtinho (+/-40 minutos) voando Cambodia Angkor Air. A companhia é boa mas, como já dissemos, nosso vôo atrasou em meio dia. Mas o Aeroporto de Phnom Penh é internacioanal, enorme e recebe vôos vindos de toda a Ásia.

Para chegar ao nosso hotel do aeroporto, pegamos um táxi oficial ao custo de USD 12 (valores fevereiro/2016). Considerando a longa distância entre os dois, o preço está bem justo. A empresa de táxi fica na área de desembarque próximo aos guichês das locadoras de carros. Para a volta (hotel – aeroporto) pedimos um táxi no hotel e pagamos USD 13, preço super ok já que era de madrugada.

Demais descolamentos na cidade a gente fazia sempre de tuk- tuk, com preços bem negociados antes do embarque, mas que ficam entre USD 4 – 6 (fevereiro/2016).

Um ponto crítico na cidade mas que não nos assustou tanto por já termos visto muito isso aqui no Brasil é o turismo sexual infantil. É nojento pensar que isso ainda existe mas existe e você não precisa de muito para ver isto pelas ruas de Phnom Penh. Uma lástima 🙁

Continue por aqui acompanhando o nosso rolê pela Ásia, ainda tem muitas dicas bacanas de Pnhom Penh.

 

Deixe uma resposta